• Precisa de ajuda ?
    Entre em contato conosco pelo email contato@acervothai.com
Hot, Sobre a Tailândia

Como é treinar na Tailândia – Parte 03

10 Dicas e sugestões gerais sobre a Tailândia.

Por Tiago Simão.

 

01) A moeda da Tailândia é o Baht, a melhor opção é você levar tudo em dólar e trocar por baht lá, você pode fazer isso no aeroporto ou em casas de cambio. Veja a cotação do dia, e notas de U$50,00 e U$100,00 dólares, por algum motivo, eles pagam mais.

02) No aeroporto há lojas que vendem chip de celular 3G/4G, pesquise os preços e o tempo de duração de cada pacote. Por um mês paguei  R$40,00 reais.

03) Táxi na Tailândia é bem barato, e fácil de achar, os famosos Tuk-tuk estão também em todos os lugares de Bangkok, porém são mais caros que os táxis. Peça sempre para o taxista ligar o taxímetro, ou negocie bem o valor.

04) Inglês básico é importante, as pessoas no dia-a-dia se comunicam pouco em inglês, mas é possível se virar bem, algumas palavras em thai também irão te ajudar bastante.

05) Em Bangkok o metrô é barato e de fácil acesso, ótima opção além de muito rápido.

06) Cuidado com a comida de rua, a higiene pode te assustar, o tempero com muita pimenta também, mas recomendo a barraca de bebida, groselha e água com gás, chocolate creme de leite e gelo, chá gelado e etc, tudo por 20,00 baht (r$ 2,00 reais).

07) Como visto na Parte 2, você pode consultar as academias para treinar, basicamente todas hoje possuem sites com valores e explicações de treinos, além de um canal de comunicação e agendamento. Negocie bem seu pacote.

08) Os preços dos estádios Lumpinee e Rajadamnerm são de 2.000 mil bahts (200,00 reais) para o ring side, geralmente reservado para estrangeiros, o Channel 7 a entrada é de graça, porém você deve chegar cedo. O MX Muaythai também tem entrada de graça, porém o local é pequeno, chegue cedo. Caso você esteja na praia, os estádios custam de 1.200 a 2.500 baht, não são preços baratos, portanto consulte os cards com antecedência para fazer valer a pena.

09) Não fique apenas em locais turísticos ou dentro de hotel, você atravessou o mundo, saia na rua, veja o dia-a-dia, vá a pequenas feiras, ande por ai, Tailândia é muito mais que templos e shoppings.

10) A Tailândia é muito grande com opções das mais variadas, se programe bem, e por experiência lhe digo, um mês aqui é muito pouco, fique ao menos dois.

 

Alguma dúvida? Sugestão? Deixe seu comentário que vou responder.

Comentários

Comentários